• Vakinha
    Vakinha
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

Xô descarga elétrica!

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Perigo, perigo, perigo…. (Foto Pixabay)

Criar um ambiente de trabalho livre de riscos é dever de todos, mas, na prática, isso não existe, pois não há céu na terra, se é que me entendem. Entretanto, os programas de saúde e segurança do trabalho baseados nas normas regulamentadoras e legislações conseguem, sim, minimizar e controlar os diversos riscos dos ambientes profissionais. Agora, vejam bem, quando tomamos conhecimento de que um operário morreu eletrocutado por causa de uma descarga elétrica, antes mesmo de uma investigação do acidente, podemos imaginar que faltou prevenção, não é mesmo?

A norma regulamentadora 10, que trata de segurança em serviços de eletricidade, estabelece as medidas preventivas extremamente importantes nesse tipo de atividade. Por exemplo, antes de iniciar o trabalho devem-se analisar os riscos, para poder manter condutas adequadas e preventivas. A NR 10 determina que trabalhadores que atuam em sistemas elétricos façam treinamentos específicos, que os permitam executar bloqueios de fonte de energia, equipamentos de teste de voltagem e carga na rede.

Nessa área, qualquer tipo de improvisação, tanto de conduta como de equipamentos, pode levar o trabalhador a sofrer acidentes fatais. Finalmente, lembro que equipamentos de proteção individual para o setor elétrico não podem ser avariados nem danificados, e específicos ao tipo de atividade.

CLIQUE NO PLAY DO THUMBNAIL ABAIXO E OUÇA O PRIMEIRO EPISÓDIO DE PROTEÇÃO DAS MÃOS, QUARTO DA SÉRIE PREVENIR SEMPRE POD

Agora você pode ler este post também na PATISEG, portal digital de prevenção de acidentes de trabalho, incêndio e segurança eletrônica.

2 Comentários

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.