• Vakinha
    Vakinha
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

O PGR e o GRO poderão fazer a diferença contra os sinistros ocupacionais

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Um dos maiores problemas contra o alto número de doenças e acidentes de trabalho no Brasil é que os donos de empresas não conhecem os riscos relacionados aos seus negócios. Assim, sem analisá-los, não promovem medidas preventivas. Mas, ao menos, as ferramentas de gestão de segurança do trabalho existem.

Com covid-19 presente, a prevenção deve ser prioridade nas empresas

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Ainda que a pandemia do ‘vírus chinês’ continue presente e as dúvidas científicas não tenham sido respondidas, não é mais possível manter o lockdown no País. É aquela história real: o trabalhador pode não morrer do coronavírus, mas certamente vai passar fome.

Portanto, a economia está sendo retomada,

Mineração é excelente à economia do Brasil, mas os acidentes precisam ser evitados

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

A indústria da mineração envolve exploração, extração e beneficiamento de minerais que se encontram nas rochas e solos. Essa atividade integra a extração a céu aberto e no subterrâneo, e é de extrema importância para a economia do País. Infelizmente, esse setor tem um estigma: a liderança em acidente de trabalho.

Proteção aos operadores de caldeiras

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

As caldeiras são máquinas que aquecem água ou ar, produzindo calor ou energia, utilizadas na indústria. Os modelos mais comuns são compostos de um recipiente fechado onde o calor é aplicado à água, que é então circulada em todo o sistema sob a forma de água quente ou vapor.

Análise de riscos é o princípio da gestão de segurança

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Há na gestão de saúde e segurança do trabalho um mandamento supremo: a análise de riscos. O objetivo dessa atividade do profissional de SST é fazer um exame prévio sobre a possibilidade de acidentes num local, equipamento ou tarefa laboral.

Analisam-se os fatores de risco que levam a possíveis infortúnios de trabalho.

Agentes cancerígenos do trabalho não darão mais direito à aposentadoria especial

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), a partir de estudo realizado, há 19 tipos de neoplasias malignas que podem estar relacionadas às atividades profissionais. Por exemplo, o câncer de pele, laringe, fígado, leucemias, câncer de mama e pulmão, isso em função dos agentes cancerígenos encontrados no ambiente ocupacional.

Fundacentro faz sua parte à conscientização e prevenção ao Covid-19

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Creio que a pandemia do Covid-19 está abrandando, mesmo que a oposição ao governo Bolsonaro torça a favor do vírus. O mundo já superou a Peste Negra e a Gripe Espanhola, não é mesmo? Mas, como se sabe, o coronavírus não vai embora do dia para a noite,

PGR, quem deve emiti-lo?

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Toda nova norma levanta dúvida nos profissionais que precisam lidar com as regras indicadas para serem aplicadas nas empresas. Em saúde e segurança do trabalho não seria diferente. Assim, depois das primeiras alterações nos textos das normas regulamentadoras (NRs) promovidas pelo atual governo, com a criação de regulamentos,

Abaixo a sujeira no trabalho

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Em tempos de pandemia do Covid-19, limpeza e higienização são fundamentais para reduzir a propagação do vírus. Porém, a limpeza no trabalho também tem um papel mais abrangente, relacionada à segurança. A faxina dos ambientes de trabalho é essencial para manter o ar agradável, mas também contribui para eliminar riscos ocupacionais.

Retomada das atividades com muita higiene

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

A pandemia do ‘vírus chinês’ ainda aflige o mundo, mas, como diz o jornalista Guilherme Fiuza, não dá mais para viver na ‘seita da terra parada’.

Assim, com protocolos sérios de retomada das atividades, empresas começam a funcionar. A volta dos trabalhadores às companhias deve ocorrer após uma série de ajustes no ambiente físico.