• Extingue
    Extingue
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

O papel da empresa diante dos casos de alcoolismo de trabalhadores

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Uso abusivo do álcool causa problemas no trabalho (Foto Pixabay)

Neste momento em que a descriminalização das drogas ilícitas está no centro das discussões no País, quando, inclusive o Supremo Tribunal Federal (STF) deverá julgar ação que irá decidir se é constitucional o artigo da lei 11.343/06, que criminaliza o porte pessoal de entorpecentes, vou em outra direção.

Trato hoje sobre o álcool, que é uma droga lícita. Seu uso abusivo é um dos mais sérios problemas de saúde pública no Brasil e no mundo. A questão é que, além de causar prejuízos pessoais e familiares, o abuso do álcool por parte de trabalhadores tem trazido consequências penosas nos ambientes profissionais. Conforme dados divulgados pelo Ministério da Saúde, o alcoolismo é o terceiro maior motivo pelo qual os trabalhadores se afastam do trabalho. Ou seja, com isso vem ocorrendo o aumento do absenteísmo (falta ao emprego). Também, o vício leva o empregado a ficar mais vulnerável aos acidentes de trabalho. É claro que o uso de bebidas alcoólicas durante a semana produtiva tem um efeito extremamente prejudicial no contexto laboral.

Segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT), de 20 a 25% dos acidentes de trabalho no mundo envolvem pessoas que estavam sob o efeito do álcool ou mesmo de outras drogas. Entre 2009 e 2014, dados do INSS mostram que a concessão do auxílio-doença para segurados com doenças crônicas relacionadas ao álcool e às drogas proibidas aumentou 39,2%. Isso revela que trabalhadores que mergulham no alcoolismo não conseguem manter a vida profissional.

Espero que os Serviços Especializados de Engenharia e Medicina do Trabalho (Sesmts) das empresas estejam atentos ao problema. Primeiramente, é preciso identificar os funcionários que sugerem o uso excessivo do álcool no exercício do trabalho, por meio da alteração de comportamento, descumprimento de tarefas e horários, assim como exposição exagerada a situações de risco. A partir dessa identificação, a pessoa deve ser encaminhada ao serviço médico, que é o ponto de partida para uma efetiva solução. Sem dúvida que é preciso acolher, orientar e sensibilizar o trabalhador para que aceite o tratamento. A empresa deve demonstrar seu apoio, mostrando que acredita na recuperação do trabalhador. Por que não? Em segundo lugar, deve-se investir em prevenção e conscientização sobre os males do vício no álcool. Os profissionais da área de saúde e segurança do trabalho não podem esquivar-se diante de tal problema que afeta não apenas as empresas como o País.

Acho que lucrar é um direito da empresa, mas cumprir seu papel social, colaborando com trabalhadores alcoólatras, mostra o quanto é digna de auferir seu faturamento.

 

 

5 Comentários

  1. Contardo Filho

    Realmente, toda empresa tem que ter um papel social, e ajudar os trabalhadores que bebem é uma excelente disposição, pois está ajudando a recuperar pais de família que precisam trabalhar. Excelente matéria, Emily

  2. DENISE MARIA DE LIMA FERREIRA

    De fato o alcoolismo há muito que é um problema de saúde pública, e no ambiente de trabalho torna-se ainda mais preocupante devido a prevenção de acidentes. Mas creio que muitas empresas preferem mascarar o problema, não dando muita importância para os empregados que apresentam absenteísmo devido ao uso, o abuso ou a dependência de substâncias psicoativas. Por outro lado, há funcionários que sentem vergonha de pedi ajuda no seu ambiente de trabalho, outros que não admitem que estão com problemas devido ao álcool e preferem negar, e muitas vezes os colegas de trabalho creem que o comportamento adicto não passa de algo normal, natural, coisa de macho. Lembro que as mulheres também estão nessa.

  3. Tadeu Augusto Xavier

    por que sempre as empresas é que tem de pagar o pato? empregado que bebe a ponto de faltar no serviço tem mais é que ir para a rua.

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.