• Vakinha
    Vakinha
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

Médico do trabalho com a nova NR 7: protagonista

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Médico do trabalho como protagonista (foto Pixabay)

Os profissionais de segurança do trabalho acompanham o trabalho de modernização das normas regulamentadoras. Muitas NRs já passaram pelo processo de modificação pelo grupo tripartite, com representantes de trabalhadores, patrões e governo. Mesmo com o furdunço causado pela pandemia do Covid-19, o trabalho não foi suspenso.  Logicamente, o ritmo diminuiu um pouco. Uma das primeiras NRs a sofrer alterações foi a NR 7, do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional – PCMSO, e sua diretriz principal foi a de ser possível detectar precocemente as exposições excessivas e os agravos à saúde, além de subsidiar procedimentos epidemiológicos.

Há um aspecto extremamente positivo sobre os novos itens da NR 7, como a relevância do médico do trabalho que, segundo a norma, pode, em caso de observar inconsistências no inventário de riscos da organização, solicitar sua reavaliação em conjunto com os responsáveis pelo Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR).

Num sistema de gestão eficiente, todos os profissionais devem trabalhar coordenados, com o mesmo objetivo. Ao pedir  uma nova avaliação, o médico mostra seu envolvimento com a segurança dos trabalhadores. Trata-se, na verdade, de haver um alinhamento dos argumentos para chegar a um consenso com os responsáveis pelo PGR. O médico do trabalho pode agora ser um protagonista, diferentemente de quando ele só fazia um exame rasteiro de admissão do trabalho.

CLIQUE NO PLAY DO THUMBNAIL ABAIXO E OUÇA O PROGRAMA “O ESPECIALISTA”, COM EDUARDO ELIAS, QUE DÁ UMA AULA SOBRE DETECÇÃO DE GASES.

Agora você pode ler este post também na PATISEG, portal digital de prevenção de acidentes de trabalho, incêndio e segurança eletrônica.

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.