• Vakinha
    Vakinha
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

É preciso querer e utilizar estratégias para diminuir acidentes e doenças do trabalho

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Os acidentes decorrem da falta de prevenção (Foto Pixabay)

Que o Brasil ocupa quarta posição no ranking de acidentes de trabalho não é novidade, especialmente dentro do setor de segurança ocupacional. Esses infortúnios laborais são uma questão de saúde pública, mas, infelizmente, banalizados pela sociedade. Normalmente, funciona assim a invisibilidade desse mal no Brasil: “Meu vizinho está afastado do emprego, pois sofreu um acidente enquanto trabalhava. Paciência! Ainda bem que não aconteceu comigo”.

Mas neste blog, o que fazemos é estimular a conscientização para as medidas de prevenção aos riscos ocupacionais. O acidente ou a doença como consequência da atividade laboral não deve ser aceito como natural, pois pode ser prevenido se a empresa fizer da segurança um valor da organização. É preciso que todos, empresários e trabalhadores contribuam para que o ambiente de trabalho seja saudável e não leve ao adoecimento. Assim, é preciso desenvolver técnicas para que o mundo trabalhe na ciência, segurança e prevenção dos acidentes de trabalho. Afinal, num País de dimensões continentais, com redução constante do número de servidores públicos, não é possível querer que os acidentes diminuam apenas com a presença de fiscais nas empresas para autuá-las pela falta de medidas de prevenção. Sabe-se até que os auditores fiscais do trabalho reivindicam a ampliação do quadro de servidores para atender às demandas do mundo do trabalho, mas isso não vai acontecer tão cedo, e que ninguém se iluda. Por isso, PREVENIR SEMPRE POD (ouça nosso podcast).

CLIQUE NO PLAY DO THUMBNAIL ABAIXO E OUÇA O PRIMEIRO EPISÓDIO DE PROTEÇÃO DAS MÃOS, QUARTO DA SÉRIE PREVENIR SEMPRE POD

Agora você pode ler este post também na PATISEG, portal digital de prevenção de acidentes de trabalho, incêndio e segurança eletrônica.

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.