• Extingue
    Extingue
  • Instituto Treni
    Instituto Treni
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg
  • Santista
    Santista

É possível haver segurança em atmosferas explosivas desde que os requisitos normativos sejam utilizados

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Seguir as normas é o primeiro passo na proteção contra explosão em indústria (Foto Freeimages)

As explosões registradas em plantas das indústrias de diversos setores ocorrem em locais onde há presença de atmosferas explosivas na forma de gases e vapores inflamáveis ou poeiras combustíveis. Esses locais são chamados de áreas classificadas, em que a presença de oxigênio em contato com fontes de ignição, devido aos equipamentos elétricos, pode resultar em grandes tragédias. Os profissionais envolvidos em proteção e prevenção em áreas classificadas atuam voluntariamente na criação de normas técnicas.

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) vem, ao longo dos últimos anos, publicando novas normas sobre requisitos de instalações “Ex”, que antes não havia na normatização brasileira. O objetivo do arcabouço normativo visa elevar a segurança das instalações industriais que contenham atmosferas explosivas, bem como a dos trabalhadores. O contínuo processo de atualizações das normas é feito pelos membros da ABNT, em conjunto com os profissionais do Comitê Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações (COBEI), por meio das Comissões de Estudos (CE) do Subcomitê SC-31, que revisam as normas da série ABNT NBR 60079, que tratam de equipamentos elétricos para atmosferas explosivas. Além das entidades nacionais para a segurança contra explosões, o Brasil participa da Internacional Electrotechnical Comission (IEC) Ex, responsável pelo sistema internacional de certificação, que garante qualidade, desempenho e segurança aos equipamentos, instalações e profissionais que atuam na área.

“É muito importante esse processo de expansão da conscientização e atualização das normas sobre a segurança industrial das instalações Ex, pois tanto no Brasil como em outros países ainda ocorrem muitas explosões”, afirma Paulo Raña, engenheiro e representante da empresa espanhola ADIX, especializada na prevenção de explosões e proteção de pessoas e ativos. Segundo ele, outro ponto importante é a evolução das normas de instalações elétricas em atmosferas explosivas, uma vez que a presença desses equipamentos em áreas com atmosferas explosivas constitui uma das principais fontes de ignição que levam aos sinistros. Portanto, todos os cuidados devem ser tomados na instalação de equipamentos elétricos em áreas classificadas, utilizando como parâmetro as normas que especificam, por exemplo, o uso de invólucros à prova de explosão.

“A solução é utilizar equipamentos normalizados de empresas capacitadas, tendo o apoio de profissionais qualificados, pois as áreas com atmosferas explosivas requerem atenção redobrada por parte dos responsáveis pela segurança industrial”, finaliza Ranã.

 

 

2 Comentários

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.