• Extingue
    Extingue
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

Como controlar o calor de ambientes com altas temperaturas

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Calor? Muito calor! (Foto Pixabay)

Morar num país tropical, abençoado por Deus… Tem coisa melhor do que isso? Quer dizer, neste país tropical, trabalhar com processos de fundição, por exemplo, com fornos em altas temperaturas, não é fácil não. Portanto, os profissionais de segurança do trabalho devem controlar os ambientes com temperaturas elevadas por meio medidas de prevenção, que precisam ser transmitidas à área de projeto das empresas.

Primeiramente, o projeto deve ser voltado para isolar as fontes de calor. Além disso, a escolha das máquinas deve avaliar o quanto de calor elas produzem. Também os equipamentos que geram excessivo calor podem ser segregados ou enclausurados. No caso da segregação, indica-se instalar as máquinas em área externa, onde os trabalhadores não ficam expostos.  Quando a máquina é enclausurada, esta recebe sistemas de proteção para não deixar que o calor se espalhe pelo ambiente.

Há ainda medidas de controle sobre o meio de difusão, para evitar que o calor chegue até o trabalhador, que inclui uma ventilação geral, que ajuda muito, com pontos de abertura para entrada e saída do ar. Há um recurso chamado Lanternin, que permite a entrada de ar, e o calor sai por alguma abertura. Outro meio é pela extração localizada com algum tipo de exaustor que retira o ar quente do ambiente, como os eólicos, que ficam no telhado sugando o ar quente. Outro recurso é o ventilador, que funciona para insuflar o ar, mas que precisa de equipamento de exaustão também. O mercado oferece isolantes para telhas aluminizadas, pois boa parte da temperatura elevada é por causa do sol. Nesse caso, pode utilizar telhas do tipo sanduíche, com o interior forrado com isolante térmico para diminuir a passagem do calor. O resfriamento do ambiente pode ser feito com ar condicionado, que eleva os custos da empresa com energia elétrica. Já o resfriador evaporativo permite proporcionar sensação semelhante à do ar condicionado, tendo, porém, um investimento inicial elevado, e seu retorno será a longo prazo, pois a conta de energia tende a ficar mais barata.

Independentemente dos recursos de equipamentos, o trabalhador que labora em altas temperaturas deve passar por controle médico, aclimatação, revezamento na atividade braçal, usar vestuário leve e adequado, e receber bastante hidratação.

CLIQUE NO PLAY DO THUMBNAIL ABAIXO E OUÇA MAIS UM EPISÓDIO DA SÉRIE DE TRABALHO EM ALTURA

Agora você pode ler este post também na PATISEG, portal digital de prevenção de acidentes de trabalho, incêndio e segurança eletrônica.

Deixe uma resposta



This blog is kept spam free by WP-SpamFree.