• Vakinha
    Vakinha
  • Portal PatiSeg
    Portal PatiSeg

NR 35 e seus sistemas de proteção

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

O operário que precisa subir, seja em escada, andaimes ou cadafalso, acima de dois metros de altura, está exposto a inúmeros riscos, e o principal deles é a queda. Há inúmeras situações em cada tarefa, que precisam ser previamente analisadas pelos profissionais de segurança, para impedir que acidentes aconteçam.

Retomada das atividades com muita higiene

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

A pandemia do ‘vírus chinês’ ainda aflige o mundo, mas, como diz o jornalista Guilherme Fiuza, não dá mais para viver na ‘seita da terra parada’.

Assim, com protocolos sérios de retomada das atividades, empresas começam a funcionar. A volta dos trabalhadores às companhias deve ocorrer após uma série de ajustes no ambiente físico.

SESMTs entrarão em novos tempos

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Entre tantas mudanças ocorridas no setor de segurança do trabalho no início do governo de Jair Bolsonaro, com alterações nos textos das normas regulamentadoras, o Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho, conhecido como SESMT, da NR 4, também sofreu mudanças e enfrentou polêmicas, uma vez que a norma impacta especialmente os profissionais de segurança do trabalho.

CIPA, sinônimo de sucesso em SST. Como assim?

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Quando uma marca torna-se sinônimo de um produto é porque chegou ao ápice do sucesso, não é mesmo? Quem não se lembra dos casos do Bom Bril, nome da lã de aço que virou sinônimo de categoria no Brasil? E do Leite Ninho, o leite em pó,

Revisão das NRs: parou, parou por quê?

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Acho extremamente desagradável a pandemia do ‘vírus chinês’ ter trazido como consequência a síndrome da ‘terra parada’ ou o ‘fique em casa’ indefinidamente. No setor de SST, que nos interessa neste blog, que com o novo governo estava indo bem, especialmente por causa da série de mudanças nas Normas Regulamentadoras (NRs),

Incêndio em indústria química mostra que não se podem negligenciar os riscos do setor

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Encerro a semana lembrando, infelizmente, que há outras tragédias, além do ‘vírus chinês’. Por exemplo, os incêndios industriais continuam acontecendo e, às vezes, a falta de prevenção é o estopim da tragédia. Nesta semana ocorreu um incêndio de grandes proporções numa empresa de produtos químicos, localizada em Guarulhos,

Tecnologia de ponta para proteger as mãos do trabalhador

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Operários do setor de construção civil estão suscetíveis a graves acidentes devido aos objetos em queda, equipamentos perigosos que podem vir a provocar cortes e lacerações, tombos e quedas de altura. Há ainda os incidentes menos graves, envolvendo as mãos.

Para erradicar ocorrências envolvendo as mãos dos operários,

Como será a volta ao trabalho presencial?

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Depois de ficar em casa por três meses, exercendo suas atividades em home office, por causa da pandemia do ‘vírus chinês’, qual poderá ser a primeira atitude do trabalhador que retorna presencialmente ao seu ambiente laboral? Como será o encontro com os colegas de trabalho?

Reabertura de lojas deve ser feita com garantia de qualidade do ar

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

No início do ano, percebi que meu tênis para caminhada já estava ‘pedindo’ para ir para o lixo. O sistema de amortecedores que absorvem o impacto de pernas, pés e joelhos não funcionava mais. Acho que só o sistema de ventilação estava operando, tendo em vista que em um dos pares havia um buraco na sola do calçado.

A vida arriscada dos professores antes, durante e após pandemia

Emily Sobral Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Como sempre, o Ministério Público do Trabalho (MPT) aponta orientação em prol dos trabalhadores. Obviamente, não poderia ser diferente. Com a pandemia do ‘vírus chinês’, o órgão ficou ainda mais inflexível quanto à defesa de seu lado pró-empregado na relação capital versus trabalho, se é que me entendem.