• Adix
    Adix
  • Santista
    Santista
  • Valor Crucial
    Valor Crucial
    banner

Profissão perigo: primeiro capítulo

Dublê de filmes: risco total (Foto Pixabay)

Então até que ponto alguém arriscaria a própria vida para manter-se empregado? Há muitas pessoas em todo o mundo que desafiam o perigo todos os dias, exercendo profissões de altíssimo risco. Muitos trabalhos são cansativos e estressantes, mas alguns passam do limite. Quem acompanha este blog sabe que gosto de entrar no terreno das originalidades, trazendo temas curiosos, sem fugir, é claro, das categorias (saúde e segurança do trabalho, segurança e proteção contra incêndio e áreas classificadas) que trato aqui. Assim, a partir de hoje abordarei, em diversos posts, as profissões mais perigosas, aquelas em que, segundo o grau de risco pela Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), do Ministério do Trabalho, certamente seria de número 4, o valor mais elevado. Vamos às quatro primeiras da série. Primeiramente, lembro os limpadores de janelas de prédio verticais altíssimos. Quem não sente aflição ao ver aqueles homens pendurados por cordas no alto dos espigões, fazendo a limpeza dos vidros? Evidentemente, esses trabalhadores não podem jamais prescindir dos equipamentos de proteção individual específicos para o trabalho em altura.

Há também a profissão dos mineiros, que são trabalhadores que correm inúmeros riscos. Quem não ouviu falar do acidente com os mineiros do Chile, em 2010, quando ocorreu um desmoronamento da mina onde trabalhavam, deixando 33 trabalhadores presos por muitos dias há 700 metros de profundidade? A mineração tem seus riscos evidentes, como a explosão ou desabamento, ou até mesmo a destruição da saúde dos profissionais expostos aos problemas pulmonares pelo contato com minérios pesados nas cavernas.

Há ainda uma atividade extremante inusitada, que é a de domador de animais selvagens, que está na lista das profissões mais perigosas do mundo. Domar feras que possuem a força capaz de matar facilmente é muito arriscado, ainda mais se for um leão ou jacaré. Daí dá para imaginar o que pode acontecer.

Por hoje, encerro, citando a atividade de dublê de filmes, que não poderia estar fora desta lista, afinal substituir e arriscar a vida no lugar de um ator famoso é uma perigosa profissão, que intercala sua vida entre corridas de carros em altíssima velocidade e até mesmo saltando de prédio em chamas. Quem são os malucos que encaram a lida diária desse jeito? Haja medidas de proteção!

.

Servidores públicos sem proteção e expostos aos riscos ocupacionais. Até quando?

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

A análise de risco do trabalho ou análise de risco da tarefa é uma técnica da área de segurança do trabalho bastante conhecida. Pelo método, parte-se da premissa de que é preciso conhecer, inicialmente, os riscos das atividades profissionais para, em seguida,

Por que classificar uma planta industrial

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Um dos objetivos da classificação de áreas é tomar medidas de proteção a depender do risco potencial envolvido numa planta industrial.

Para quem é do setor de segurança em instalações que contenham atmosferas explosivas, e é responsável pela integridade física de trabalhadores,

No Rio, dor nas costas e lesão de joelhos estão no topo dos afastamentos

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Começo com uma alfinetada: será que Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro, um dos responsáveis por tornar um Estado com status de ‘maneiro’, em falido, é também responsável pelos problemas nas costas e lesões nos joelhos dos trabalhadores, agravos de saúde que encabeçam a lista dos que mais geraram afastamento pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS),

Obras que sabem do valor das inspeções são mais seguras

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Infelizmente, os acidentes de trabalho na construção civil fazem parte da rotina do setor. Números demonstram que os casos são mais do que o dobro quando comparados a outros segmentos.

Mas, para as construtoras que fazem valer o PCMAT (Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção),

Entrar em um ambiente com atmosfera explosiva representa risco de acidente

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Ao escrever semanalmente sobre áreas classificadas meu objetivo principal é mostrar que há, nos ambientes industriais, grandes riscos de explosões com gases, vapores, poeiras e fibras.

A classificação de áreas deve ocorrer de acordo com a permanência e quantidade do agente explosivo no local,

Procedimentos de segurança no processo de soldagem

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Particularmente, considero o trabalho do soldador, que transforma duas peças de metal em uma só, utilizando a técnica a quente, bastante arriscada. Não sei se há soldadora, mas, certamente, eu não conseguiria exercer a atividade. Também não entendo desse ‘riscado’, mas para escrever sobre prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais,

Distúrbio da voz relacionado ao trabalho é reconhecido pelo Ministério da Saúde

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Este blog não poderia deixar de repercutir a entrevista de Maria Lúcia Vaz Masson, fonoaudióloga e professora do Departamento de Fonoaudiologia do Instituto de Ciências da Saúde, da Universidade Federal da Bahia, concedida ao Edgard Digital, semanário online de notícias da UFBA.

Masson é,

Elevadores de obras devem seguir normas de instalação

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

Na história da indústria da construção civil já houve inúmeros acidentes com vítimas fatais com elevadores que são utilizados em canteiros de obra. A movimentação vertical de trabalhadores e cargas é feita por essa ferramenta, praticamente indispensável na maioria das obras.

A NR 18,

Mercúrio, um químico dá pesada que faz mal

Por Emily Sobral

Twitter: @EmilySobral       Periscope: @emiliasobral61

A toxicidade do ambiente laboral, especialmente a provocada pelo mercúrio, estará em pauta hoje e amanhã no auditório da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz), no Rio de Janeiro. O I Seminário Internacional – Aspectos Toxicológicos do Mercúrio sobre a saúde humana e o ambiente está sendo uma oportunidade para os profissionais brasileiros entrarem na discussão que já vem ocorrendo mundialmente.